Gil Nunes – Os novos números do Infosiga SP, sistema de dados do Governo de São Paulo gerenciado pelo programa Respeito à Vida, divulgados na sexta-feira, dia 19, revelam redução de 30% das fatalidades de trânsito em Indaiatuba nos cinco primeiros meses de 2020 em relação ao mesmo período do ano passado. Em 2019 foram 10 óbitos este ano o número é de 7, sendo que quatro casos ocorreram em maio.

O número de Indaiatuba está acima da média do Estado, que é de 20,5%. Em 2019 no Estado, foram registrados 487 óbitos contra 387 este ano. Já os acidentes de trânsito, que incluem ocorrências sem vítimas fatais, registraram queda de 28,4% em vias urbanas e rodovias do Estado (11,9 mil acidentes em maio deste ano contra 16,6 mil em 2019).

Dos números de óbitos no trânsito em Indaiatuba 64% foram de vítimas de moto, 32% pedestres, 22% de automóvel, 14% bicicleta e 11% outras formas. Já 82,52 das vítimas fatais no trânsito são homens e 16,58% mulheres. Colisão é o maior número de casos com 58%, seguido de atropelamento com 33%. A faixa etária que mais morre no trânsito em Indaiatuba é a de 18 a 24, com 27%. Os dados estão no site do Infosiga.

Deixar um Comentário