Por Gil Nunes Indaiatuba registrou nos primeiros cinco meses de 2020 redução nos principais indicadores de criminalidade em relação ao mesmo período do ano passado, que coincide com a pandemia do novo coronavírus. Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo, divulgados nesta quinta-feira (25), os números de homicídios, estupros, roubos e furtos foram menores que os registrados no mesmo período do ano anterior.

Em relação aos homicídios dolosos a Polícia Civil registrou em 2019 três e em este ano nenhum caso. Já os casos de estupro tiveram uma queda de 25,81%. Foram notificadas 31 ocorrências. Nos primeiros cinco meses de 2019, foram 39 casos.

A maior redução foi nos casos de lesão corporal culposa por acidente de trânsito, que ficou em 179,73%. No ano passou foram 207 casos e em 2020 74.

Segundo o diretor do Departamento de Polícia Judiciária de São Paulo Interior (Deinter 2), o delegado José Henrique Ventura, em entrevista ao portal G1, as medidas restritivas provocadas pela quarentena ajudaram na redução da criminalidade, especialmente nos chamados crime contra o patrimônio (furtos e roubos). “O pessoal tem ficado mais em casa, se expõe menos na rua, a casa não fica vazia”, pontua.

Ventura, entretanto, garante que os números também têm relação com o trabalho de campo das polícias, que tem prendido diversos desses criminosos no período. “A Justiça tem concedido muitos mandados e temos tirado de circulação muitos autores de roubo, a grande maioria deles reincidentes”, conta.

Em outro tópico divulgado pela Secretaria de Segurança do Estado – produtividade policial – também houve queda de 12,65% nos flagrantes, que reduziram de 187 em 2019 para 166 em 2020. No ano passado, de 1º de janeiro até 31 de maio, havia ocorrido 226 prisões. Em 2020 foram 191, ou seja, 18,62% a menos.

Lembrando que parte dos registros de crimes não há necessidade de deslocamento até a Delegacia. Existe a Delegacia Eletrônica, na qual as ocorrências podem ser feitas de maneira online. Entre os delitos que podem ser registrados pela internet estão violência doméstica, roubo e furtos de veículos e documentos. Entre as exceções estão os crimes de estupro, homicídio e latrocínio, que necessitam de comunicação imediata a autoridade policial.

OCORRÊNCIAS POLICIAIS REGISTRADAS20192020%
    
HOMICÍDIO DOLOSO30-300,00%
HOMICÍDIO CULPOSO POR ACIDENTE DE TRÂNSITO97-28,57%
LESÃO CORPORAL DOLOSA297212-40,09%
LESÃO CORPORAL CULPOSA POR ACIDENTE DE TRÂNSITO20774-179,73%
ESTUPROS3931-25,81%
ROUBOS – OUTROS165135-22,22%
FURTO – OUTROS825583-29,33%
FURTO DE VEÍCULOS6362-1,59%
ROUBO VEÍCULOS112081,82%
ROUBO DE CARGA03300,00%
TENTATIVA DE HOMICÍDIO5620,00%
LATROCÍNIO01100%
Fonte: https://www.ssp.sp.gov.br/Estatistica/Pesquisa.aspx
PRODUTIVIDADE POLICIAL – JANEIRO/MAIO20192020%
    
TRÁFICO DE ENTORPECENTES111108-2,78%
PORTE ILEGAL DE ARMAS41-300,00%
ARMAS DE FOGO APREENDIDAS1210-20,00%
FLAGRANTES LAVRADOS187166-12,65%
INFRATORES APREENDIDOS EM FLAGRANTE87-14,29%
PESSOAS PRESAS EM FLAGRANTE215201-6,97%
PRISÕES EFETUADAS226191-18,32%
VEÍCULOS RECUPERADOS91910,00%
APREENSÃO DE ENTORPECENTES1176590,91%
PORTE DE DROGAS7612260,53%
    
Fonte: https://www.ssp.sp.gov.br/Estatistica/Pesquisa.aspx

Deixar um Comentário