Por Gil Nunes – Em três meses Indaiatuba teve crescimento de 1.240% nos casos de óbitos de pacientes confirmados com Covid-19. A cidade terminou abril com cinco casos e fechou junho com 62, ou seja, 57 mortes a mais em relação ao primeiro mês. O primeiro registro de óbito em Indaiatuba ocorreu em 15 de abril e o mês terminou com um óbito a cada 144 horas. Já em maio o município chegou a 20 casos, com média de uma morte a cada 37 horas. Em junho foram 37 vidas perdidas para o Covid-19, ou seja, uma morte a cada 19 horas.
Comparando os números de mortes por Covid-19 de maio com abril o crescimento foi de 400% e de maio com junho o aumento foi de 185%. Julho já começou com o anúncio de sete óbitos em apenas dois dia superando todo o mês de abril. Se considerar julho o aumento em relação ao mês do primeiro registro de morte o acréscimo é superior de 1.340%, com média de morte a cada cinco horas.

Deixar um Comentário