Indaiatuba confirma 6 mortes e chega a 500 óbitos por Covid

Mês de março foi o mais letal da pandemia até agora com 76 mortes de moradores

0
243

Indaiatuba chegou nesta quarta-feira (28.04) a 500 mortes pela covid-19. Segundo os boletins divulgados pela Prefeitura através da Secretaria de Saúde, 41,2% dos óbitos ocorreram em 2021. Foram 294 mortes em 2020 e 206 em 2021.  Março deste ano foi o pior mês em relação a mortes pela Covid-19 com 76 óbitos de moradores.  Neste mês de abril o município já registrou 66 óbitos.

Desde o início da pandemia, 18.824 pessoas contraíram a doença em Indaiatuba. Desses, 18.238 são considerados curados ou estão em recuperação domiciliar.  A cidade ainda tem hoje 70 casos suspeitos aguardando resultados. Somente nesta quarta-feira foram confirmadas outras seis mortes com diagnóstico positivo para covid-19. Outros 121 casos positivos também foram confirmados.

Além disso, foram contabilizadas 426 notificações suspeitas (entre hospitais, laboratórios particulares e unidades de saúde) e outros 306 exames negativos.

Sobre os óbitos:

Três óbitos aconteceram no haoc (hospital augusto de oliveira camargo) hospital referência para atendimento no Sistema Único de Saúde (SUS)

1 – Feminino, 81 anos, internada no dia 17 de abril, faleceu no dia 27.  Com comorbidade.

2 – Masculino com 63 anos, internado em 22 de abril, faleceu no dia (27). Com comorbidade.

3 – Masculino 50 anos –  internado dia 10 de abril, faleceu no dia (27). Sem comorbidade.

Leito externo Hospital de Arthur Nogueira.

4 – Feminino, 75 anos, internada no dia 6 de abril, foi óbito no dia (27).

Dois outros óbitos que aguardavam a comprovação para covid-19 foram confirmados nesta quarta-feira (28).

5 – Masculino, 62 anos, internado desde o dia 8 de março e faleceu no dia 15 de março. Confirmação nesta quarta-feira (28). Sem comorbidade

6 – Feminino, 66 anos, internada desde o dia 16 de março e óbito em 27 de março. Sem comorbidades. 

Situação dos hospitais

Nesta quarta-feira eram 96 internados, dos quais 86 estão confirmados para covid-19. Do total, 61 estão em leitos clínicos e 35 em uti (unidade de terapia intensiva). A taxa de ocupação dos leitos é a seguinte.

Leitos clínicosHAOC: 88% – Santa Ignês: 53%

UTI – HAOC: 71% – Santa Ignês: 80% – *externa: 50%.

VACINAÇÃO PARA COVID-19

 Número de vacinados – 1ª dose

33.739

Número de vacinados – 2ª dose

22.870

(COLABOROU GIL NUNES).

Deixar um Comentário